Blog Unicamp Ano 50



Exposição Unicamp Ano 50: Concepções

04/08/2016 - atualizado em 04/08/2016
Exposição Unicamp Ano 50: Concepções, até o dia 6 de setembro. De segunda a sexta-feira, das 9h às 22h45, Biblioteca Central Cesar Lattes, Unicamp. Entrada Gratuita.

“A Unicamp, todos sabem, alcançou um nome respeitado nacional e internacionalmente. (...) E não se pode imaginar, sequer, que este resultado tenha sido o fruto do trabalho de um homem.”, disse Zeferino Vaz durante discurso de transferência do cargo de reitor ao professor Plínio Alves de Moraes, em 1978. Depois de 38 anos desse discurso, os esforços de vários grupos de professores, pesquisadores e políticos, são apresentados na “Exposição Unicamp Ano 50: Concepções”, que está no saguão da Biblioteca Central Cesar Lattes, até o dia 6 de setembro. A exposição traz documentos e materiais diversos sobre a origem das concepções de uma universidade modelo até a sua formação mais recente. Os documentos fazem parte dos acervos do Sistema de Arquivos (SIARQ), do Centro de Memória e da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp.

A “Exposição Unicamp Ano 50: Concepções” é uma viagem no tempo, iniciada na década de 40 que permiti ao visitante conferir quais foram as transformações políticas, sociais e culturais, vividas no Estado de São Paulo e que originaram, em Campinas, um modelo de universidade. A trajetória de formação da atual universidade é contada através de painéis com textos narrativos sobre as lutas ideológicas e políticas que antecederam a sua fundação, em 5 de outubro de 1966, e através dos livros atas das reuniões e das páginas de jornais e revistas. Também compõe a exposição, diversas imagens dos desenhos iniciais sobre como deveria ser a universidade, além de mapas, desenhos e fotografias aéreas das transformações e construções dos prédios.

As transformações urbanas de Campinas, a partir da década de 60, registradas pelo fotógrafo e pesquisador, Aristides Pedro da Silva, conhecido como V8, ilustram esses painéis e sua ordem cronológica mostra que a Unicamp acompanhou o crescimento e as demandas urbanas da cidade. São duas histórias que caminharam juntas e projetaram a instituição e a cidade como referências de pólos na área educacional e econômica, respectivamente.

Essa viagem no tempo tem emocionado os visitantes

“Eu senti uma nostalgia ao ver as fotos incríveis e as transformações da minha cidade. Senti saudade de um tempo que não vivi e não conhecia. Também assisti aos vídeos e conheci a longa história da Unicamp em pouco tempo. Ver essa exposição aumentou a minha vontade de estudar aqui. A Unicamp é um sonho pra mim.”, disse Caroline de Oliveira Xavier, estudante da USP, de São Paulo.

Os visitantes também disseram que saíram da exposição sabendo mais sobre o desenvolvimento de Campinas e sobre a sua influência no planejamento da universidade.

“Vir para minha cidade e poder conhecer mais sobre a sua história e sobre como ela influenciou o planejamento de uma das maiores universidades do país, a Unicamp, foi muito prazeroso.”, disse o estudante Lucas da Silva Nicoleti, estudante da USP, de São Paulo.

Serviço

“Exposição Unicamp Ano 50: Concepções”
Quando: Até o dia 6 de setembro. De segunda a sexta-feira, das 9h às 22h45.
Onde: Biblioteca Central Cesar Lattes, Unicamp.
Entrada: Gratuita
Mais informações: SIARQ – Tel. (19) 3521-6440 - http:://www.siarq.unicamp.br

Leia mais




Comentários

comments powered by Disqus

Voltar