Blog Unicamp Ano 50



Pierre Parlebas recebe título de Doutor Honoris Causa

Professor francês criou a ‘praxiologia motrix’, teoria que impulsionou a área da educação física

14/10/2015 - atualizado em 29/03/2016
Pierre Parlebas recebe o título de Doutor Honoris Causa do reitor José Tadeu Jorge, em cerimônia na sala do Conselho Universitário (Consu): professor francês criou a ‘praxiologia motrix’, teoria que impulsionou a área da educação física (Foto: Antonio Scarpinetti)

O intelectual francês é o criador da “praxiologia motrix”, teoria que contribui para melhor compreender o cenário da educação física, esportes, jogos e atividades físicas. Por conta de sua atuação pluridisciplinar – como professor de educação física, psicólogo, matemático, sociólogo e linguista –, Parlebas é considerado um dos mais influentes pensadores do século 20, tendo suas publicações traduzidas em inúmeras línguas.

Antes do início da solenidade da manhã desta quarta-feira (14), realizada na sala do Conselho Universitário (Consu), Pierre Parlebas falou a respeito do seu contentamento com a distinção. “Venho com muito gosto a Campinas, para uma Universidade excepcional e com tanto espaço e tantos estudantes, e que me parece até maior do que Sorbonne. Estou muito contente com a distinção. Com meus amigos de outros países, trabalhamos na praxiologia motriz para o desenvolvimento da educação física.”

O homenageado, que na parte da tarde concederia palestra para alunos e docentes na Faculdade de Educação Física, explicou que a ideia principal de sua teoria é de que o desporto e as atividades físicas, além de envolverem o corpo e condutas motrizes, possuem nítidos aspectos relacionados com a inteligência, afetividade e relacionamento social. “A sociomotricidade é um sítio de muitas relações com o corpo, mas a mais importante é a comunicação, pois pelo corpo passam muitas coisas: emoções, agressividade, afetividade.”

Parlebas explica que a praxiologia motrix é uma teoria desenvolvida primeiramente na França, mas que rapidamente atraiu muitos pesquisadores da Espanha, África do Norte e Central, bem como da América do Sul (Argentina, Brasil, Uruguai, Chile). “Fui a todos esses países trabalhar com amigos cientistas. Atualmente, a praxiologia motriz já conta com uma massa crítica e creio que se estenderá por todos os países. Porém, há uma dificuldade, que é o peso da tradição na atividade física, mantendo-se uma ideia simplista ligada somente a desporto e performance. Digo que há mais que isso, que os jogos tradicionais e as atividades físicas desenvolvem toda a personalidade – e não é costume falar sobre isso na educação física.”

O reitor José Tadeu Jorge, tendo conhecido a trajetória de Pierre Parlebas neste momento de concessão do título de Doutor Honoris Causa, atentou para a sintonia entre os propósitos institucionais da Unicamp e a vida que o professor francês dedicou à ciência, formação de pessoas e interdisciplinaridade. “A história que conhecemos hoje torna o professor Pierre Parlebas não apenas detentor de um título, mas alguém que representa o espírito e o conceito da nossa Universidade, na área da educação física. É uma honra recebê-lo como integrante desta pequena galeria de Doutores Honoris Causa.”

Pierre Parlebas atuou por mais de 30 anos na Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade de Paris V–Sobornne, obtendo o reconhecimento de professor titular e depois como emérito. Coleciona títulos e honrarias, sendo a mais recente, em 2013, a ordem de “Cavaleiro da Legião de Honra da França” (máxima distinção científica do país europeu). Sua carreira passa por distintas etapas e formações, as quais, em sua especificidade e abrangência, fornecem inúmeras e significativas experiências para a consolidação das teorias que elabora no campo da educação física e do esporte.

Portal da Unicamp

Fonte: Portal da Unicamp

Leia mais




Comentários

comments powered by Disqus

Voltar